sábado, 30 de maio de 2015

Continuam os Festejos

Aniversário da Maria João Justino


No passado dia 28 de Maio foi a vez da Maria João se juntar ao clube dos 50.

A Maria João é uma amiga que chegou à minha vida pela mão do Miguel, o que faz dela uma pessoa muito especial para mim. 

Acredito, com Unamuno, que "cada novo amigo que ganhamos no decorrer da vida aperfeiçoa-nos e enriquece-nos, não tanto pelo que nos dá, mas pelo que nos revela de nós mesmo." E, por isso, celebro com o mesmo entusiasmo e alegria os velhos e os novos amigos, testemunhos vivos do quanto tenho a aprender com eles sobre mim própria. 

Vale mesmo a pena passar 50 anos a construir relações, a estabelecer laços, a ser autêntica, a ser filha e a ser mãe, a ser menina e mulher, amante e amiga. 

Parabéns, Amiga!!! 


quinta-feira, 21 de maio de 2015

Festas de Aniversário: 50 Anos



Querem saber o que fiz no passado fim-de-semana, 16 e 17 de Maio? Fui até ao Norte, a Espinho e a Matosinhos, para comemorar o aniversário da Angelita (Na Cozinha da Té) e de uma amiga de infância.

E sabem que mais? As duas são mulheres maravilhosas acabadas de entrar nos 50.

As festas foram lindas, animadas, com petiscos, bolo e champanhe. Devo ter engordado 2Kg!!

Mas o melhor de tudo é saber que a amizade que, com cada uma delas, construímos em crianças, está viva e alegre e que estes 50 anos valeram a pena.




sexta-feira, 15 de maio de 2015

Casamento e Sorrisos

Monte dos Sorrisos, 2 de maio 2015
A minha amiga Adelaide foi a noiva mais bonita, feliz, amorosa e radiante que eu já conheci. O Pedro também é um belo rapaz, mas não ficou na foto.

Um casamento muito especial. Os noivos foram os anfitriões perfeitos e cada um dos convidados se sentiu como se a festa tivesse sido feita para si. O Monte dos Sorrisos é um espelho dos talentos raros da Adelaide, da sua dedicação e atenção aos pequenos nadas, que fazem toda a diferença.

Não há dúvida de que este foi o casamento com o qual a Adelaide e o Pedro sonharam. E, aos 50 anos, já todos sabemos muito bem quais são os sonhos que valem a pena.

Estou convencida, casamento a sério é mesmo depois dos 50.


O local é lindo e as fotos do António Rebordão estão aqui para o provar. Também fiquei a saber que o Monte dos Sorrisos  está disponível para acolher festas especiais!!!








quinta-feira, 14 de maio de 2015

Festa da Ascensão ou Festa do Queijo


Em Godim, Peso da Régua, comemora-se a Acensão com uma feira, que começou por ser no adro da igreja e que, com tempo, passou a ocupar toda a rua.

A especialidade mais vendida é o queijo, vêm fabricantes e comerciantes de várias zonas do país, é a nossa  Festa do Queijo.

Na minha terra hoje é dia de comer queijo e biscoito da teixeira e, lá mais para a noite, ver o rancho e dar um pezinho de dança ao som dos artistas populares.

Aqui por Lisboa é dia da espiga, vende-se o ramo: Espiga - pão; Malmequer - ouro e prata; Papoila - amor e vida; Oliveira - azeite, paz e luz; Videira - vinho e alegria; Alecrim - saúde e força.

O ramo da espiga vai ficar pendurado atrás da porta, a proteger quem mora nesta casa e os que nos visitam.

Gosto mesmo deste Portugal das tradições!!!!





domingo, 3 de maio de 2015

Da Angelita para a Tia

Angelita e Eu em Matosinhos 15.05.1983



Este blog é um espaço aberto aos meus amigos e a todos os que, de algum modo, tocaram a minha vida. A Angelita é minha prima, minha Amiga e a minha vida é tocada por ela desde a infância. Em todos os momentos importantes, alegres e tristes, meus e dela, estivemos juntas.

Ninguém melhor para começar partilha dos #50 anos do que a Angelita. É dela o seguinte texto:

Almoço de família na Régua 1980


Mãe, esta palavra só pertence aos filhos, só eles têm o direito de dizer "Mãe", mas eu não posso deixar passar este "dia da mãe" sem prestar uma singela homenagem a uma tia que, durante um ano, de tudo fez para que eu não sentisse tanto a falta da minha mãe, que estava longe, com o filho mais novo e outro na barriga. 

Os meus irmãos mais velhos estavam longe, um com a madrinha e outro com a nossa avó. Podem imaginar como é difícil esta situação para uma criança? Ficam marcas, memórias más... Mas eu tenho, desse tempo, memórias boas e felizes, porque esta Tia maravilhosa fez muito bem o seu papel. Ela tinha filhos, claro, e eles tinham, muitas vezes, ciúmes, porque, afinal, a mãe era deles.  

Tantas vezes ela foi ter comigo à cama e me limpou os olhos, porque eu chorava de saudades. E ela, baixinho, dizia-me: - "não chores, eu estou aqui!" Dava-me colo, carinho, mas se tinha que ralhar, também, ralhava. 

Ainda hoje guardo na memória o dia do nascimento da minha irmã. O meu Tio chegou a casa, pegou em mim, sentou-me ao seu colo e disse: - "tenho uma boa notícia para ti. A tua mãe teve uma menina. Tens uma irmã!" Fiquei louca de alegria, tive logo o carinho dos meus tios, porque chorei e os ciúmes da minha prima, afinal o que é isto, os pais são dela. 

Hoje, com a idade a passar e sem nada temer, chegou a altura de deitar cá para fora o que está, à tanto tempo, guardado dentro de mim.

Ganhei uma segunda família, porque a minha prima é, para mim, uma segunda irmã. Fui passar férias para a Régua, tantas vezes que até lhes perdi a conta. Mais tarde, os domingos passados em Matosinhos, com a Paula. Depois, as idas a Coimbra e outras tantas coisas. São tantas que já não cabem na minha memória. 

Foi essa Tia que ajudou a minha Mãe a fazer o meu casamento. 

Partiu muito cedo e deixou muitas Saudades. 

A Minha Tia Lígia.... "

Lígia Casal Ribeiro 20.10.1959


sexta-feira, 1 de maio de 2015

3º Aniversário do "Duetos da Sé"




No passado dia 26 de Abril o "Duetos da Sé" comemorou o 3º aniversário e eu, lá estive! É sempre bom partilhar o sucesso e a alegria dos amigos.

O "Duetos da Sé" é um restaurante/bar com música ao vivo, de que gosto muito. Neste espaço, propriedade dos irmãos Eduardo Lala e Carlos Lala, casam-se duas artes: a música e a gastronomia. A música a cargo do Eduardo e a cozinha sob a batuta do Carlos.

Há três anos, no dia da inauguração, percebemos imediatamente que estava a nascer um espaço diferente, na noite lisboeta. A simplicidade e o bom gosto, tanto na comida como na selecção dos músicos que, diariamente, se apresentam no palco do Duetos, fazem deste, um lugar de excepção. Foi, pois, com grande prazer que aceitei o convite dos irmãos Lala.

No dia de aniversário a festa foi grande. Boa Música, Boa Comida e Bebida e Bons Amigos!!!  Uma noite de domingo muito bem passada...

Para os meus amigos dos #50anos este é um local que recomendo. Há sempre música ao vivo, o programa mensal está disponível no facebook


Miguel Rebelo e Nuno Tavares em Duetos da Sé
26 de Abril de 2015

Parabéns, Vovô!

Régua, 1965
Este blog dos #50anos mais parece uma "caixinha de recordações", mas no dia de hoje não posso deixar de recordar o meu avô paterno, o Homem em quem mais confiei e, durante muitos anos, o meu porto seguro. Pois é, este Senhor simpático, ao meu lado, faria, hoje, 100 anos.

O meu Avô, tal como eu, também, gostava muito de celebrar o seu aniversário e ter nascido no dia 1º de Maio, Dia do Trabalhador, significava muito para ele.

A festa fazia-se no pátio, almoço com família e, pela tarde, começavam a aparecer os amigos. O meu Avô tocava guitarra portuguesa, havia sempre um viola e não faltavam fadistas.

Vejam as fotos, as duas tiradas no mesmo local, com uma diferença de 18 anos!!!


1º de Maio de 1983